Tarde, a vida me ensina esta lição discreta:
a ode cristalina
é a que se faz sem poeta.